Plantas de alfazema espanholas - Como cultivar alfazema espanhola no jardim


Por: Mary Ellen Ellis

Quando você pensa em lavanda, provavelmente é a lavanda inglesa e francesa que vem à mente. Mas você sabia que também existe uma alfazema espanhola? As plantas de lavanda espanhola podem dar a você o mesmo aroma e flores delicadas da variedade inglesa, mas são mais capazes de tolerar climas quentes.

Informações sobre alfazema espanhola

Lavanda espanhola, ou Lavendula stoechas, é apenas uma das cerca de 40 variedades desta erva perfumada. É nativa do clima quente e seco da região mediterrânea e, portanto, prospera em climas mais quentes e é resistente à zona 8. O cultivo de lavanda espanhola é uma boa alternativa à lavanda inglesa mais comum se você vive em um clima mais quente.

Na aparência, a lavanda espanhola é semelhante a outras variedades, crescendo em pequenos arbustos que formam grandes sebes baixas ou beiradas de canteiros. Eles têm as mesmas folhas verde-prateadas, mas uma característica única é a forma como floresce. O topo de cada haste florida cresce, brácteas eretas que se assemelham a orelhas de coelho. As flores podem ser roxas ou rosa, dependendo da cultivar:

  • Ann’s Purple. Esta cultivar é maior do que as outras e crescerá cerca de 30 polegadas (76 cm) ao redor.
  • Fita roxa. A fita roxa produz flores roxas escuras e é um pouco mais resistente ao frio do que outras cultivares.
  • Kew Red. Esta cultivar é uma das poucas a produzir flores rosa, com tonalidade framboesa escura.
  • Abelhas de inverno. Este começará a florescer antes de outras cultivares ou variedades de lavanda, começando no final do inverno em climas quentes.
  • Anão de lutsko. Esta cultivar anã cresce até cerca de 12 polegadas (30 cm) e é uma boa opção para cultivo em recipientes.

Como cultivar alfazema espanhola

O cuidado com a alfazema espanhola é semelhante a outras variedades de alfazema, embora, em comparação com a alfazema inglesa, possa tolerar mais calor e não exija nenhum frio para produzir flores.

Encontre um local com pleno sol para suas plantas de lavanda espanhola ou considere cultivá-las em recipientes; essas plantas se adaptam bem a vasos. Certifique-se de que o solo é leve e drena bem. A alfazema espanhola não precisa de muita água e tolera bem as secas.

Cultivar lavanda espanhola é uma ótima opção para climas quentes e secos, mas também funciona para recipientes que podem ser trazidos para dentro. Além de adicionar uma fragrância adorável à sua cama ou casa, esta lavanda também atrairá polinizadores para o seu jardim.

Este artigo foi atualizado pela última vez em


Espécies de lavandula, alfazema borboleta, alfazema francesa longa, alfazema espanhola

Família: Lamiaceae (lay-mee-AY-see-ee) (Informações)
Gênero: Lavandula (lav-AN-dew-lah) (Info)
Espécies: pedunculata (ped-un-kew-LAH-tuh) (Info)
Sinônimo:Lavandula stoechas var. pedunculata
Sinônimo:Lavandula stoechas subsp. pedunculata
Sinônimo:Stoechas pedunculata

Categoria:

Requisitos de água:

Tolerante à seca adequado para xeriscaping

Necessidades médias de água A água regularmente não rega em excesso

Exposição ao sol:

Folhagem:

Esta planta é resistente ao veado

Cor da folha:

Altura:

Espaçamento:

Resistência:

Zona 9a do USDA: a -6,6 ° C (20 ° F)

Zona 9b do USDA: a -3,8 ° C (25 ° F)

Zona USDA 10a: a -1,1 ° C (30 ° F)

Zona USDA 10b: a 1,7 ° C (35 ° F)

Zona 11 do USDA: acima de 4,5 ° C (40 ° F)

Onde crescer:

Perigo:

Bloom Color:

Características do Bloom:

Flores são boas para cortar

As flores são boas para secar e preservar

Esta planta é atraente para abelhas, borboletas e / ou pássaros

Tamanho da flor:

Bloom Time:

Outros detalhes:

Requisitos de pH do solo:

Informações sobre patentes:

Métodos de propagação:

De estacas semilenhosas

De estacas de salto de madeira

Da semente, semear ao ar livre no outono

De sementes de inverno, semeie em recipientes ventilados, estrutura fria ou estufa não aquecida

De sementes, semear dentro de casa antes da última geada

Da semente, semeie direto após a última geada

Da semente germinar em uma toalha de papel úmida

Da semente germinar in vitro em gelatina, ágar ou outro meio

Auto-semeia livremente se você não quiser mudas voluntárias na próxima temporada

Coleta de sementes:

Deixe as sementes secarem nas plantas, remova e colete as sementes

Bem limpo, a semente pode ser armazenada com sucesso

Regional

Diz-se que esta planta cresce ao ar livre nas seguintes regiões:

Notas do jardineiro:

Em 11 de setembro de 2013, mehitabel45 de Whidbey Island, WA (Zona 8b) escreveu:

Isso é tão bom para mim que estou pasmo. Cresce até 3 pés em 2 anos e precisa ser podado a cada primavera.
É diferente das alfazema inglesas porque é mais resistente no inverno e as flores não são muito boas para secar ou comer. Adoro aquelas pequenas brácteas de flores. Linda cor, e ainda dá flores no outono, embora não tanto quanto no início da temporada.
Enraíza muito facilmente para propagação. Você poderia alinhar toda a sua garagem em 3 anos.

Em 7 de maio de 2009, LEGN de ​​Dallas, TX (Zona 7b) escreveu:

Parece ótimo quando está em flor, mas meio esguio quando não está.

Em 4 de maio de 2009, jessicab77 de Austin, TX escreveu:

Não tive muito sucesso com esta planta. Comprei 2 e elas eram lindas e depois de uma semana mais ou menos a folhagem começou a perder sua cor verde vibrante (mais um verde pálido agora) e as flores também não são mais uma cor vibrante. Tentei corrigir o solo, mas também não funcionou. Eu também vi estes plantados em viveiros locais e eles se pareciam com os meus. Alguma sugestão para plantar isso em Austin?

Em 16 de outubro de 2004, philomel de Castelnau RB Pyrenйes,
A França (Zona 8a) escreveu:

A alfazema espanhola é de crescimento vertical, com folhas estreitas e compridas de verde-acinzentado. As brácteas estéreis que cobrem as pontas das flores são longas e finas. Eles tremulam com a brisa. Uma lavanda muito atraente, resistente à geada (a -5C ou um pouco mais baixa), nativa da Espanha e de Portugal.


Aqui estão algumas boas razões para adicionar lavanda à sua fazenda ou jardim.

1. Há demanda por isso

Existe uma demanda por lavanda? Absolutamente!

Na verdade, a demanda por lavanda atualmente supera a oferta. Isso significa que você não deve ter nenhum problema em vender o máximo de lavanda que puder cultivar.

Além disso, estudos de mercado indicam que a demanda por lavanda deve aumentar no longo prazo.

2. É lucrativo

Quão lucrativo é o cultivo de lavanda?

Modern Farmer lista a lavanda como uma das cinco culturas mais valiosas que você pode cultivar nos EUA. (Para obter mais informações sobre as culturas mais lucrativas, verifique nosso próprio artigo sobre as 13 principais culturas mais lucrativas para crescer.)

Em comparação com culturas padrão, como milho ou soja, que normalmente geram menos de US $ 1.000 por acre, a escolha é óbvia. Uma operação eficiente de lavanda pode produzir 100 vezes mais dinheiro na mesma quantidade de espaço!

3. É fácil crescer

A lavanda é uma cultura de manutenção relativamente baixa. Precisa de muito sol e solo bem drenado. No entanto, geralmente não requer fertilizante ou muita água.

Você pode plantar lavanda junto com outras plantas sem problemas. Seus grandes arbustos também podem ser usados ​​como sebes e quebra-ventos.

4. Atrai insetos benéficos

Abelhas, borboletas e outros insetos benéficos adoram a alfazema quando ela está em flor.

À medida que as populações de abelhas diminuem, você deseja atrair o máximo possível de polinizadores para o seu jardim; portanto, a alfazema é uma ótima escolha.

5. Repele insetos nocivos

Lavanda não atrai apenas insetos bons. Ele também mantém os maus afastados.

Mosquitos, mariposas, carrapatos, pulgas e moscas não gostam do cheiro de lavanda. Cultivá-lo o ajudará a aproveitar o ar livre sem as pragas irritantes.

6. Você pode fazer uma grande variedade de produtos a partir dele

Você pode vender lavanda sozinha, fresca ou seca. Mas se você estiver disposto a colocar um pouco mais de trabalho, você também pode usar sua lavanda para criar uma grande variedade de produtos.

Alguns produtos de lavanda a serem considerados incluem artesanato, produtos para banho e corpo, alimentos e bebidas e produtos de limpeza ou domésticos.

Alguns desses itens podem ser vendidos por até 500% a mais do que simplesmente vender alfazema crua.


Tipos de lavanda

Lavanda Inglesa (Lavandula angustifolia)

Apesar do nome, essa variedade de lavanda não é nativa da Inglaterra e, na verdade, vem de várias regiões do Mediterrâneo. Este é o tipo mais comum de lavanda que as pessoas normalmente associam à planta e é a mesma lavanda vista para criar um mar de púrpura nos campos provençais na França.

Esta lavanda é muito perfumada, com o aroma reconhecível sendo liberado no ar quando suas pernas passam por ela, ou quando você esmaga as flores em sua mão.

O cacho de flores que adorna cada haste é conhecido como inflorescência e aparece em uma variedade de tons de roxo, dependendo do cultivar. Essa variedade de lavanda apresenta variações de cores que vão do violeta ao roxo em tons de azul, lavanda claro ou rosa escuro. As inflorescências florescem no início do verão e duram a maior parte da temporada.

A lavanda inglesa é uma planta perene semi-perene, com folhagem de tom verde-prateado no verão e que se transforma em tom cinza ou bronze no inverno. Normalmente crescendo até dois ou três pés de altura, esta lavanda é ideal para criar sebes baixas e bordas em torno de jardins ou calçadas. A lavanda inglesa é conhecida por produzir os melhores óleos essenciais. Também é amplamente utilizado em potpourri e culinária.

Como a maioria das variedades de lavanda, a lavanda inglesa prefere solo arenoso com baixo teor de nutrientes e sal e, principalmente, sem matéria orgânica. No entanto, uma boa drenagem é a chave para esta planta pobre e amante do solo.

Os tipos de lavanda inglesa incluem:

1. Hidcote

Atrai abelhas e borboletas

Resistente a coelho, veado e seca

Gosta de solo meio seco e pobre

Evergreen em climas quentes

Cresce até 20 polegadas de altura

Espalha-se até 24 polegadas de largura

Esta vibrante lavanda com flores violetas ganhou o prestigioso Prêmio de Mérito do Jardim da Royal Horticultural Society. Normalmente floresce uma vez no final da primavera ou início do verão, com um segundo fluxo mais curto na estação seguinte. Se você podar a lavanda cedo o suficiente, poderá ter a sorte de desfrutar de uma terceira estação de floração. Especialmente bom para fazer flores secas, este tipo de lavanda mantém sua cor vibrante mesmo depois de seca.

2. Jean Davis

Atrai abelhas e borboletas

Resistente a coelho, veado e seca

Gosta de solo meio seco e pobre

Evergreen em climas quentes

Cresce até 30 polegadas de altura

Se espalha até 36 polegadas de largura

Flores e folhagens fortemente perfumadas

Desde a sua introdução em 1937, esta cultivar tem sido uma escolha popular. As flores são mais como uma flor do que uma planta típica de lavanda, em um rosa pálido delicado com um toque de lilás. Um benefício desta lavanda é que tanto as flores quanto a folhagem são muito perfumadas. A poda é incentivada com este tipo de lavanda para obter uma aparência mais cheia. Corte-o na primavera e assegure-se de remover as flores gastas para permitir que novos botões floresçam. Esta cultivar também atende pelo nome de "Rosea".

3. Lavanda portuguesa (Lavandula latifolia)

Atrai abelhas e borboletas

Resistente a coelho, veado e seca

Gosta de solo meio seco e pobre

Evergreen em climas quentes

Cresce até 3 pés de altura

Flores fortemente perfumadas, com maior teor de cânfora do que a alfazema inglesa

Este arbusto resistente é nativo do Mediterrâneo Ocidental, em todo Portugal, Espanha e algumas regiões da França e Itália. Ela floresce continuamente durante a primavera e o verão, produzindo flores em um tom suave de roxo e hastes em um verde contrastante. Esta variedade de lavanda é conhecida por ter o perfume mais forte e também é conhecida pelos nomes "Lavanda Spike" e "Lavanda de folha larga".

Lavandin (Lavandula x intermedia)

Este híbrido popular é um cruzamento entre a alfazema inglesa e a alfazema portuguesa. Herdou as melhores características de ambas as variedades, assim como a tolerância ao frio da Lavanda Inglesa e a tolerância ao calor da Lavanda Portuguesa. A Lavandin resultante é, portanto, adequada para quase todos os climas, o que significa que os jardineiros de todo o mundo podem desfrutar da beleza e do aroma que a lavanda traz para um jardim. Esta variedade de lavanda, como as duas variedades de que provém, é extremamente perfumada. Tanto as flores quanto as folhas exalam um perfume inebriante. As flores aparecem ao longo do verão em várias cores, desde o branco cremoso até o roxo vibrante. Lavandin é criado para uso na produção de óleo essencial, mas a qualidade não é tão alta quanto o óleo extraído de English Lavender.

Os tipos de Lavandin incluem:

4. Grosso

Gosta de solo meio seco e pobre

Evergreen em climas quentes

Cresce até 3 pés de altura

Flores e folhagens fortemente perfumadas

Também conhecido pelo nome de “Fat Lavender”, este arbusto de crescimento rápido produz espigas de flores invulgarmente grandes de até 15 centímetros de comprimento, que são fortemente perfumadas. Esta variedade retém sua cor e perfume quando seca e, portanto, é popularmente usada em buquês de flores secas ou sachês de lavanda usados ​​em gavetas de fragrâncias. As flores desta planta são de uma cor roxa profunda e aparecem mais tarde do que outras variedades de lavanda, no meio ao final do verão.

5. Impressionar roxo

Gosta de solo meio seco e pobre

Evergreen em climas quentes

Cresce até 3 pés de altura

Se espalha até 4 pés de largura

Flores e folhagens fortemente perfumadas

Esta cultivar tem flores em um roxo profundo e é a cor mais escura de lavanda disponível. Os espinhos apresentam flores densas em hastes altas, tornando-os uma adição impressionante para buquês de flores recém-cortadas. Eles florescem no final da temporada, normalmente florescendo de meados ao final do verão.

6. Provença

Gosta de solo meio seco e pobre

Evergreen em climas quentes

Cresce até 3 pés de altura

Adequado para altas temperaturas e umidade

Flores e folhagens fortemente perfumadas

Com flores extra grandes e um perfume intenso, esta cultivar tem muito a seu favor. Também é conhecida por ser um dos melhores tipos de lavanda para formar sebes cheias grossas, por isso procure esta cultivar se pretende criar sebes ou sebes baixas. Esta lavanda é particularmente tolerante à umidade do ar, então pode ser adequada para você se você vive em um clima naturalmente úmido.

Em um tom médio de roxo, as flores desta planta formam inflorescências grossas no final de cada haste longa. As cabeças das flores podem atingir comprimentos de até 3 polegadas, o que explica seu outro nome comumente usado, “Lavanda Gorda”.

Lavanda espanhola (Lavandula stoechas)

Esta variedade de alfazema pode ser facilmente identificada pelas pétalas que brotam do topo das pontas das flores. Eles são conhecidos como “orelhas” entre alguns jardineiros por motivos óbvios, embora também tenham uma semelhança com a fruta do abacaxi.

A alfazema espanhola também é comumente conhecida como alfazema de borboleta, originária do norte da África e de regiões do Mediterrâneo.

Flores roxas profundas adornam cada espiga em um padrão de pinha, enquanto as pétalas brotando do topo podem ser vistas em várias cores, dependendo da cultivar. Esta planta floresce por um longo período, produzindo uma abundância de flores durante a primavera e o verão. Excepcionalmente para a lavanda, a folhagem desta variedade é fortemente perfumada, enquanto as flores não carregam qualquer fragrância.

Lavanda espanhola adora clima quente e seco, mas é muito mais macia do que outras variedades. Pode tolerar umidade.

Os tipos de alfazema espanhola incluem:

7. Anouk

Atrai abelhas e borboletas

Resistente a coelho, veado e seca

Gosta de solo meio seco e pobre

Adequado para climas mais quentes

Cresce até 2 pés de altura

Esta cultivar apresenta brácteas de flores azul-púrpura profundas que são cobertas com pétalas de violeta vívidas em um hábito vertical. A folhagem prateada é fortemente aromática e é usada no potpourri e na culinária. Depois do verão, faça uma poda forte para estimular um estilo mais robusto.

8. Fathead

Atrai abelhas e borboletas

Resistente a coelho, veado e seca

Gosta de solo meio seco e pobre

Evergreen em climas quentes

Cresce até 2 pés de altura

Espalha-se até 2 pés de largura

As brácteas de flores inchadas desta cultivar são uma indicação fácil de onde esta planta recebe o seu nome. As cabeças em formato oval e púrpura profundo desse arbusto são roliças, cobertas por pétalas delicadas em um tom rosa-púrpura. Esta cultivar forma um monte bastante compacto, tornando-a ideal para uso em recipientes ou bordas.

9. Lavanda franjada (Lavandula dentata)

Gosta de solo meio seco e pobre

Evergreen em climas quentes

Cresce até 36 polegadas de altura

O nome desta variedade de lavanda vem de suas margens de folhas dentadas. O nome científico "dentata" é derivado de "dentate", que significa "dentes". Nativa da Espanha, esta planta perfumada não é tão fortemente perfumada como as outras variedades de lavanda, mas sua folhagem exala um cheiro rico que é considerado um cruzamento entre lavanda e alecrim.

Embora a fragrância desta planta não seja tão picante quanto as outras, seu benefício é que ela tem flores de cores vivas, que florescerão o ano todo no ambiente correto. Para isso, forneça bastante luz e calor à sua planta.

Embora a alfazema seja normalmente encontrada em sebes ou ocupando grandes áreas de jardins, ela também pode ser cultivada em vasos. Esta é uma ótima notícia para todos os fãs de lavanda que têm pouco espaço exterior. Você pode cultivar lavanda em recipientes do lado de fora, em um terraço ou varanda, ou dentro de uma janela bem iluminada. Se você propaga lavanda a partir de sementes ou mudas, pode criar sua própria plantinha para abrigar em um vaso interno.

Elas tendem a não crescer muito no primeiro ano, embora a chance de floração seja alta. Depois do primeiro ano, quando a planta já conhece o seu lugar, a lavanda em vaso tende a crescer bem e precisará ser podada para ser mantida em um tamanho gerenciável.

Não desperdice as partes cortadas da lavanda, elas podem ser usadas de várias maneiras, inclusive para potpourri, sachês perfumados, na culinária e em artesanato.


Assista o vídeo: Mudas de Lavanda Francesa


Artigo Anterior

Tomate Dubrava - é fácil fazer uma boa colheita

Próximo Artigo

Cultivo de Jasmim dentro de casa: cuidado com plantas de jasmim internas